As Consequências do Pecado de Davi

As consequências do pecado se resumem no sofrimento, não apenas o físico, mas, principalmente, o espiritual. Na Bíblia há muitas advertências acerca do pecado e seus efeitos. Uma delas, sem dúvida, é aquela que registra as consequências do pecado de Davi e serve como um lembrete muito claro aos cristãos a respeito da ação destrutiva e catastrófica do pecado.

O rei de Israel experimentou grande sofrimento e amargura por causa de seu pecado. Além disso, as consequências do pecado de Davi não ficaram restritas apenas a nível pessoal, mas recaíram sobre sua descendência e, de forma geral, atingiram também toda a nação de Israel.

O pecado e suas consequências

Cometer pecado é se rebelar contra Deus. Uma das definições bíblicas mais claras sobre isso diz que “o pecado é iniquidade” (1 João 3:4). O significado de iniquidade é “ilegalidade”, “injustiça”. Em outras palavras, o pecado é a transgressão da Lei de Deus.

Quando a lei é quebrada, punições justas devem ser aplicadas. É injusto que a justiça não seja feita contra alguém que comete injustiça. Deus é santo e inteiramente justo. Ele não tolera o pecado, ao contrário, Ele exige sua punição.

O pecado entrou na raça humana pelo erro de Adão (Gênesis 3). A Bíblia mostra muito claramente quais foram as consequências do pecado a sua desobediência:

  1. O homem caiu de sua retidão original e a imagem divina nele foi desfigurada. A comunhão com Deus foi quebrada, o relacionamento com o Criador foi destruído. De refletor da imagem de Deus o homem passou a ser, principalmente, símbolo da rebeldia contra Deus.
  2. O pecado trouxe morte espiritual. Toda a humanidade tornou-se morta em ofensas e pecados (Efésios 2:1-3). Além disso, a menos que o pecador seja vivificado de seu estado de morte espiritual, o pecado o conduzirá à morte eterna. Então o inferno é uma das terríveis consequências do pecado.
  3. O homem tornou-se escravo do pecado (Romanos 6-7). Sua natureza tornou-se totalmente depravada. Ele foi completamente corrompido pelo pecado em todo seu ser – alma, corpo, faculdades, vontades etc. Pecar tornou-se algo natural para o homem.
  4. O pecado ainda trouxe consequências físicas e emocionais. As consequências do pecado impactaram o relacionamento do homem com a natureza, com o próximo e consigo mesmo. Por causa do pecado o sustento do homem tornou-se penoso e o sofrimento tornou-se uma realidade, com dores, aflições, doenças e morte.

Esses princípios bíblicos sobre os efeitos da Queda do Homem explicam como as consequências do pecado trazem desdobramentos muito dolorosos aos homens de todas as épocas e lugares. Até mesmo homens piedosos, como o rei Davi, sofreram a dor das consequências de suas transgressões.

A identificação do pecado de Davi

Davi não era um homem perfeito. Ele era um pecador assim como nós. Mas ele também era alguém temente a Deus e comprometido com Sua vontade. Ele zelava pela Palavra de Deus e procurava andar conforme Seus mandamentos. Em sua penitência, Davi orava para que Deus perdoasse até mesmo aqueles pecados que ele nem sabia que tinha cometido (Salmo 19:12).

Contudo, em certo momento de sua vida ele cometeu um pecado gravíssimo que lhe trouxe sérias consequências. A princípio, aparentemente Davi ficou bem despreocupado. Ele conviveu em harmonia com seu pecado até que Deus o repreendeu através do profeta Natã. Inclusive, muito sabiamente o profeta do Senhor tratou com Davi de modo a fazê-lo declarar espontaneamente qual deveria ser a consequência de seu pecado.

Após ouvir uma ilustração sobre um homem rico que se apropriou e matou a única cordeirinha de um pobre, Davi ficou irado e disse que aquele homem era digno de morte (2 Samuel 12:5). Ao descobrir que aquele homem era uma figura sua, Davi entendeu o quão grave havia sido o seu pecado. Ele cometeu adultério, assassinato, abusou de seu poder e agiu de forma corrupta.

Davi confessou o seu pecado e se arrependeu profundamente. Então em Sua infinita graça e misericórdia, Deus o perdoou. No entanto, o arrependimento de Davi e o perdão de Deus não significaram a imunidade das consequências do pecado.

  • Veja também: Quer melhorar o aproveitamento de suas aulas da EBD? Conheça um curso completo de formação para professores e líderes da Escola Bíblica Dominical.Conheça aqui! (Vagas Limitadas)

O exemplo das consequências do pecado de Davi

Através do profeta Natã o Senhor anunciou quais seriam as consequências do pecado de Davi (2 Samuel 12:10-15). O filho de seu adultério adoeceu e morreu, apesar das súplicas de Davi. A espada jamais se apartou de sua casa, e tragédias familiares marcaram sua família. Sua filha, Tamar, foi violentada pelo próprio irmão, Amnon. Depois, Amnon acabou sendo morto por outro filho de Davi, Absalão. Este, por sua vez, conspirou contra o próprio pai o tentou tomar-lhe o reino.

O mesmo Absalão ainda desonrou Davi ao tomar suas mulheres e se relacionar com elas perante todo o Israel. O que Davi tinha feito escondido com a mulher de Urias, Absalão fez em público com as concubinas de Davi. Por fim, Absalão acabou assassinado pelo comandante do exército de Davi.

É fácil perceber o quanto as consequências do pecado de Davi lhe custaram caro. Além disso, elas servem de alerta para o crente que, a exemplo de Davi, resolve se enveredar pelo caminho da desobediência.

Davi sentiu como sua comunhão com Deus havia sido prejudicada pelo pecado. A alegria da salvação lhe ficou ausente e ele temeu perder a capacitação do Espírito Santo em sua vida (Salmo 51:11,12). Ele sentiu o peso do pecado que estava sempre diante de seus olhos (Salmo 51:3).

O pecado ainda trouxe a morte prematura em sua casa e seguidas tragédias e conflitos que perduraram em sua descendência. Seu testemunho também foi danificado e sua memória manchada. O homem segundo o coração de Deus também passou a ser lembrado na História por seu pecado e as consequências dele.

Mas desse triste episódio o crente pode aprender com Davi no que diz respeito a sua contrição diante de Deus ao confrontar o pecado. Davi aceitou a correção divina; ele se humilhou debaixo da potente mão de Deus que lhe afligiu; ele confessou o seu pecado, reconheceu sua miséria e buscou a restauração da parte do Senhor. Ao invés de buscar justificativa para seu erro, ele buscou perdão em Deus.

Receber Estudos da Bíblia

O perdão de Deus e as consequências do pecado

Muita gente pergunta como um pecado perdoado por Deus ainda pode ter consequências. O erro está em confundir os efeitos do perdão de Deus e as consequências do pecado. A questão é: o que significa ter os pecados perdoados e não perdoados?

Em primeiro lugar, é importante saber que todo pecado precisa ser punido – tanto o pecado cometido pelo ímpio, quanto o pecado cometido pelo crente. A diferença é que o pecado do ímpio é finalmente castigado no inferno, e o pecado do redimido é castigado na cruz de Cristo.

Em segundo lugar, as consequências do pecado não perdoado são essencialmente distintas do pecado perdoado. As consequências do pecado não perdoado podem ser entendias como sendo penalidades que buscam um acerto de contas. Elas fazem parte do julgamento e da condenação do pecado; elas são sanções aplicadas por causa da violação da Lei divina e seu objetivo é a justiça retributiva.

Já as consequências do pecado perdoado possuem uma finalidade pedagógica. São medidas disciplinares que têm o objetivo de corrigir o crente, endireitar sua conduta, revelar a gravidade de seu erro, mostrar a desaprovação de Deus, chamá-lo ao arrependimento e à confissão, e aperfeiçoá-lo em santificação. O escritor de Hebreus explica isso ao ensinar que “o Senhor corrige o que ama e açoita a qualquer que recebe por filho” (Hebreus 12:6).

Falando sobre as conseqüências do pecado de Davi, o pastor John Piper diz que pelo poder da verdade e do Espírito, devemos aprender a deleitar-nos na graça de Deus, no perdão dos pecados, na esperança da glória e na alegria do Senhor, ao mesmo tempo em que podemos estar sofrendo as consequências do pecado perdoado. Nós não devemos equiparar perdão à ausência de impacto doloroso. A vida de Davi é uma ilustração vívida dessa verdade. Então que Deus nos dê a graça de aprender e viver.

Que tal fazer Bacharel em Teologia sem mensalidades? Clique aqui! Pergunta Estudo Bíblico
Botão Voltar ao topo
Fechar