O Que Significa Refidim?

Refidim é o nome do local onde os israelitas travaram uma batalha contra saqueadores amalequitas. Na batalha o povo de Israel saiu vitorioso enquanto as mãos de Moisés foi mantida levantada ao céu (Êxodo 17:1-16). O significado de Refidim é incerto, mas frequentemente é sugerido como sendo “local de descanso” ou “amplitude”.

Se isso estiver correto, então há uma conexão entre o significado de Refidim e as possíveis características do local. Apesar de a localização exata de Refidim ser desconhecida, provavelmente esse lugar ficava ao sul da península do Sinai, numa região de oásis que se estende por alguns quilômetros em um vale verdejante. Refidim foi o local onde os israelitas acamparam pela última vez antes de chegarem ao Monte Sinai.

O que aconteceu em Refidim?

Pelo menos dois acontecimentos importantes aconteceram em Refidim. Primeiro, em Refidim o povo de Israel criticou e ameaçou Moisés por causa da falta de água (Êxodo 17:1-7). Alguns comentaristas dizem que o ápice do descontentamento dos israelitas em Refidim se deu por causa de uma enorme frustração.

Argumenta-se que talvez os israelitas esperassem encontrar água em Refidim. Issso porque na região há montanhas que alcançam cerca de dois mil e quinhentos metros de altitude. Então o derretimento da neve do cume das montanhas forma correntes de água. Mas na ocasião supostamente a região enfrentava uma grande seca e os israelitas não encontraram nenhuma água.

Seja como for, a Bíblia não diz nada a esse respeito. O texto Bíblico apenas destaca o comportamento rebelde do povo de Israel. Mas Moisés orou a Deus e milagrosamente o Senhor fez sair água de uma rocha em Refidim. O texto Bíblico diz que em Refidim os israelitas tentaram a Deus. Por isso aquele lugar foi chamado de Massá, que significa “tentado”, e Meribá, que significa “contenda”.

Em segundo lugar, em Refidim Amaleque pelejou contra os israelitas. Então Moisés ordenou a Josué que escolhesse alguns homens de Israel e os liderasse na batalha. Enquanto isso, Moisés disse que estaria ao cimo do outeiro com o bordão de Deus em sua mão (Êxodo 17:9).

Receber Estudos da Bíblia

As mãos levantadas em Refidim

A Bíblia diz que na batalha de Refidim os israelitas prevaleciam contra os amalequitas enquanto as mãos de Moisés estavam levantadas. Mas a situação invertia quando as mãos de Moisés se abaixavam e os amalequitas prevaleciam.

Como as mãos de Moisés eram pesadas, o líder hebreu se assentou em uma pedra e Arão e Hur sustentaram suas mãos erguidas, cada um de um lado. Assim, as mãos de Moisés ficaram levantadas em Refidim até o pôr-do-sol. Os israelitas derrotaram os amalequitas em Refidim e Moisés edificou um altar ao Senhor e lhe chamou: Yahweh é Minha Bandeira” (Êxodo 17:15).

Algumas pessoas tentam usar equivocadamente esse texto para afirmar que os israelitas foram vitoriosos em Refidim por causa de uma suposta cobertura espiritual de Moisés. Claro que isso está errado!

É verdade que o episódio de certa forma serviu para confirmar a escolha de Deus por Moisés como líder dos israelitas, apesar da recente oposição do povo. Mas o texto é claro ao dizer que na verdade na mão de Moisés estava “o bordão de Deus” (Êxodo 17:9).

Esse bordão não era um objeto místico, mas apenas uma vara que naquele contexto simbolizava a presença do Senhor que pessoalmente estava envolvido na libertação do Seu povo; visto que o bordão foi um instrumento que esteve envolvido nos sinais e milagres que o Senhor operou durante o êxodo de Israel do Egito. O fato de os israelitas prevalecerem em Refidim somente enquanto o bordão estivesse erguido ao céu na mão de Moisés, era um lembrete de que eles dependiam completamente de Deus. Se houve alguma cobertura espiritual ali, ela foi provida por Deus, não por Moisés.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close