Qual o Significado de Broquel na Bíblia?

Um broquel é um escudo. O significado bíblico de broquel indica exatamente um instrumento de defesa individual móvel usado em batalhas. Mas na Bíblia, a figura do broquel também é usada como metáfora para transmitir a ideia de proteção.

Por ser a arma de defesa mais comum na antiguidade, havia escudos de vários tipos e tamanhos. Apesar de a palavra “broquel” poder ser aplicada a diferentes tipos de escudo, geralmente ela designa um escudo pequeno.

Escudo e broquel

Essa indicação do broquel como um escudo portátil em distinção aos escudos maiores, pode ser percebida, por exemplo, no Livro de Salmos, mais precisamente no Salmo 91. Em algumas traduções da Bíblia em português, o quarto verso desse salmo registra: “Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel” (Salmo 91:4).

Nesse verso encontramos as palavras “escudo” e “broquel” na mesma frase. Outras traduções trazem a combinação “pavês e escudo” ao invés da expressão “escudo e broquel”, mas o sentido é o mesmo. O propósito do salmista nesse salmo é indicar que o cuidado divino lhe proporciona uma proteção completa.

Para ilustrar essa verdade, o salmista usa a figura de uma ave-mãe que protege os seus filhotes, e também a proteção das armas de defesa. Inclusive, algumas traduções não aplicam a expressão “escudo e broquel”, mas simplesmente falam da fidelidade de Deus como o “escudo protetor” do crente.

Receber Estudos da Bíblia

Como era o broquel nos tempos bíblicos?

Nos tempos bíblicos, os escudos, como armas de defesa, eram essenciais na composição da armadura dos soldados de infantaria. Por isso, não é estranho notar que existem várias referências na Bíblia a diferentes tipos de escudo, pois isso fazia parte do contexto da época dos escritores bíblicos.

Entre os israelitas, pelo menos dois principais tipos de escudo eram utilizados. Havia o escudo que protegia o corpo inteiro do soldado, e era usado nas formações de defesa da infantaria pesada. Esse escudo grande podia ter a forma retangular ou oval.

O outro escudo muito utilizado pelos israelitas e outros povos daquela época, era justamente o que na Bíblia é chamado de “broquel”. Nesse sentido, o broquel era um escudo redondo pequeno e leve, que podia ser facilmente manuseado pelo soldado em combates corpo a corpo.

De forma geral, os escudos — incluindo o broquel — eram construídos em madeira, cobre ou bronze. Quando feitos em madeira, os escudos também recebiam uma cobertura de couro. Além disso, os escudos ainda eram polidos com óleo para preservá-los.

Além do broquel e dos outros tipos de escudo de combate, havia também os escudos especiais. Esses escudos tinham ouro em sua composição e traziam detalhes bem elaborados, pois tinham um propósito decorativo.

Que tal fazer Bacharel em Teologia sem mensalidades? Clique aqui! Pergunta Estudo Bíblico
Fechar