Qual o Significado de Cefas? Quem Foi Cefas?

O significado de Cefas é “pedra”. Cefas é o outro nome pelo do qual o apostolo Pedro é chamado na Escritura (João 1:42; 1 Coríntios 1:12; Gálatas 2:9; etc.). No texto bíblico do Novo Testamento em português, o nome Cefas traduz a transliteração grega Kephas do aramaico Kepa, uma palavra que significa “pedra” ou “rocha”.

A Bíblia registra que o nome Cefas foi dado ao apóstolo Pedro pelo próprio Senhor Jesus Cristo. Na verdade, o nome hebraico de Pedro era Simão, provavelmente uma variação do nome hebraico Simeão que vem de uma raiz cujo significado é “ouvir”.

O texto bíblico diz que quando o apóstolo André levou o seu irmão Simão até Jesus, o nosso Senhor olhou para ele e disse: “Você é Simão, filho de João. Você será chamado Cefas — que significa Pedro” (João 1:42).

Essa atribuição de um novo nome a Simão estava diretamente relacionada à grande obra que Deus haveria de realizar em sua vida. Ao dizer que Simão seria chamado Cefas, Jesus agiu em seu ofício profético, ou seja, olhando para o futuro o Senhor Jesus Cristo viu a grande transformação que ocorreria em Simão. Essa transformação seria tão profunda que o impulsivo Simão se tornaria uma rocha sólida, e ficaria conhecido por toda a história como Cefas; especialmente pela forma grega desse nome, Petros, isto é, “Pedro”.

Isso quer dizer que quando Jesus deu a Simão o nome Cefas, Ele estava predizendo o que a graça divina haveria de realizar no coração e na vida daquele discípulo (Hendriksen, 1953).

Eu sou de Cefas

Uma das referências bíblicas mais conhecidas que traz a forma aramaica do nome Pedro, é aquela escrita pelo apóstolo Paulo em sua primeira carta aos crentes da cidade de Corinto. Na verdade, parece que Paulo preferia usar o nome Cefas em vez de sua versão grega, Pedro. Em todas as suas epístolas, Paulo refere-se ao apóstolo apenas duas vezes como Pedro, e outras oito vezes como Cefas.

Escrevendo aos cristãos coríntios, Paulo tratou sobre um problema de divisão que estava ocorrendo naquela congregação. Em outras palavras, alguns crentes daquela igreja estavam divididos em diferentes facções associadas a pessoas específicas. Um desses grupos era formado pelos crentes que diziam ser de Cefas (1 Coríntios 1:12).

Como um respeitado líder da Igreja Primitiva, é possível que Pedro tenha visitado a igreja de Corinto em algum momento. Inclusive, o próprio apóstolo Paulo nos informa que Pedro fazia viagens missionárias acompanhado de sua esposa (1 Coríntios 9:5).

Contudo, obviamente Pedro jamais aprovaria ter seu nome relacionado a grupos que dividiam os cristãos e semeavam contendas na congregação. Isso significa que em nenhum momento Cefas foi a Corinto criar o seu próprio partido para fragmentar a congregação.

Receber Estudos da Bíblia

Cefas e Pedro não são a mesma pessoa?

Algumas pessoas sugerem que Pedro e Cefas são pessoas diferentes citadas na Bíblia. A ideia é que a única passagem bíblica em que o apóstolo Pedro é chamado Cefas, é justamente aquela em que Jesus lhe atribui esse nome (João 1:42). Então a partir daí, Simão sempre é chamado Pedro; enquanto que o nome Cefas seria usado para designar outra pessoa — que supostamente era um discípulo de Jesus que não fazia parte do grupo dos Doze, mas que o acompanha num grupo maior, como o grupo dos Setenta citado em Lucas 10.

Se essa teoria estiver correta, isso significa que o Cefas seguido por alguns crentes de Corinto, ou mesmo aquele que teve um desentendimento com Paulo acerca da situação dos crentes gentios em relação aos costumes judaicos, não era o apóstolo Pedro. Essa teoria é construída, principalmente, em cima de algumas observações que datam do tempo dos Pais da Igreja.

No entanto, não há nenhuma evidência realmente irrefutável que comprove essa teoria. Na verdade, ela chega a resultar em algumas dificuldades que são um tanto quanto difíceis de contornar se entendermos que Pedro e Cefas não são a mesma pessoa nos escritos de Paulo.

Por isso é amplamente aceito entre os estudiosos que Pedro e Cefas são duas formas diferentes do mesmo nome que designa a mesma pessoa. Até mesmo o fato de escritos antigos fazerem referência a algum outro Cefas, é algo que deve ser tomado com cuidado. Isso porque é conhecida a confusão que alguns escritores antigos fizeram com os nomes de alguns personagens bíblicos.

É claro que pode ter havido outros crentes com o nome Cefas na Igreja Primitiva. Mas não é possível provar de forma inquestionável que o Cefas do Novo Testamento tenha sido qualquer outra pessoa se não o apóstolo Pedro.

Que tal fazer Bacharel em Teologia sem mensalidades? Clique aqui! Pergunta Estudo Bíblico
Fechar