Estudo Sobre Cesareia: Cesareia Marítima e Cesareia de Filipe

Cesareia é o nome de duas cidades mencionadas na Bíblia no Novo Testamento. A primeira, e mais importante, é a Cesareia Marítima que era capital da Judeia. Já a segunda é a Cesareia de Filipe que ficava ao norte do Mar da Galileia.

Tanto a Cesareia Marítima, capital da Judeia, quando a Cesareia de Filipe, aparecem como pano de fundo de importantes eventos bíblicos que se deram durante o ministério terreno de Cristo ou no período apostólico. Então conhecer um pouco mais sobre essas duas cidades é muito útil para uma melhor compreensão do contexto do Novo Testamento.

Cesareia Marítima, a capital da Judeia

Cesareia Marítima, a capital da Judeia, era uma cidade costeira do Mar Mediterrâneo e ficava a aproximadamente 100 quilômetros de Jerusalém. A cidade também estava localizada a cerca de 48 quilômetros de Jope e 37 quilômetros do Monte Carmelo.

Como capital da Judeia sob o domínio romano, Cesareia Marítima era uma metrópole romana. Ela servia de residência oficial tanto para os procuradores romanos – como Pôncio Pilatos – como para os reis herodianos. Por isso a cidade era repleta de majestosos palácios e edifícios públicos. Além disso, a cidade contava com um grande anfiteatro.

Então Cesareia era uma cidade suntuosa. Ela foi reconstruída por Herodes, o Grande, no mesmo local que anteriormente era conhecido como Torre Strato. A cidade recebeu esse nome em homenagem ao imperador romano César Augusto. Inclusive, na cidade de Cesareia havia um grande templo dedicado a César com enormes estátuas do imperador.

Cesareia tinha uma população heterogênea e por isso era relativamente comum na cidade a ocorrência de conflitos entre judeus e gentios. Com uma posição privilegiada na rota das caravanas entre o Egito e Tiro, Cesaréia era um importante central comercial. Além disso, a cidade contava com um importante porto que movimentava o comércio marítimo da região.

De acordo com o livro de Atos dos Apóstolos, foi em Cesareia que o rei Herodes Agripa morreu “comido de bichos” (Atos 12: 19-23). A cidade também é citada como o local onde Filipe, o evangelista, viveu com suas filhas (Atos 21:8,9). Cesareia era também o lar do centurião Cornélio que foi evangelizado pelo apóstolo Pedro vindo de Jope (Atos 10-11).

No mesmo livro de Atos lemos que em Cesareia havia uma igreja que foi saudada pelo apóstolo Paulo no retorno de sua viagem missionária (Atos 18:22). Inclusive, Paulo desembarcou em Cesaréia quando voltou de sua segunda e terceira viagens missionárias.

Mas foi também em Cesareia que Paulo permaneceu preso por dois anos. Ali ele chegou a evangelizar Festo e o rei Agripa (Atos 24-26). Por fim, foi de Cesareia que Paulo partiu rumo à cidade de Roma para ser julgado por César como cidadão romano (Atos 25:11).

Receber Estudos da Bíblia

Cesareia de Filipe

Cesareia de Filipe era uma bela cidade localizada ao norte do Mar da Galileia, na região do Monte Hermom, a aproximadamente. A cidade tinha uma beleza natural memorável. Ela ficava no sopé do Monte Hermom com seus grandes rochedos, e tinha muita vegetação e abundância de águas, que incluía as nascentes do Rio Jordão.

Alguns estudiosos sugerem que Cesareia de Filipe era a cidade de Baal-Gade que aparece no Antigo Testamento (Josué 11:17; 12:7; 13:5). Se isso estiver correto, então Baal era a divindade daquela cidade nos tempos veterotestamentários.

Seja como for, mais tarde os gregos começaram a adorar o deus Pan naquela cidade, e por isso ela era conhecida pelo nome de Paneas. Posteriormente a cidade foi renomeada por Herodes Filipe, o tetrarca, em honra a César. A adição do nome “Filipe” servia justamente para diferenciá-la da outra Cesareia.

Muitos estudiosos dizem que nos dias do Novo Testamento a população da cidade era majoritariamente gentílica. De qualquer forma, Cesareia de Filipe era um centro importante da cultura greco-romana. Mais tarde Agripa II reformou a cidade durante o reinado de Nero e lhe deu o nome de Neronias, mas esse nome praticamente não foi adotado por ninguém.

Nos textos do Novo Testamento, Cesareia de Filipe ficou conhecida por ter sido o lugar onde ocorreu a importante confissão do apóstolo Pedro (Mateus 16:13). Para alguns intérpretes, a região de Cesaréia de Filipe também pode ter sido o local onde ocorreu a transfiguração de Jesus (Mateus 17:1-8).

No tempo das Cruzadas a cidade de Cesareia de Filipe foi um cenário importante. A vila de Banias foi edificada no local onde estão as ruínas da antiga cidade. Até hoje as fontes daquela região são fundamentais para a agricultura no norte de Israel.

Que tal fazer Bacharel em Teologia sem mensalidades? Clique aqui! Pergunta Estudo Bíblico
Fechar