Qual o Significado do Lírio dos Vales na Bíblia?

O lírio dos vales era uma flor silvestre comum que crescia nos vales férteis da Palestina nos tempos bíblicos. Apesar de os lírios serem frequentemente citados na Bíblia, a expressão “lírio dos vales” ocorre apenas uma vez no texto bíblico, no livro de Cântico dos Cânticos de Salomão (Cântico 2:1).

Mas é importante saber que o lírio dos vales citado nesse texto bíblico nada tem a ver com o lírio que conhecemos atualmente como uma flor branca em formato de sino. Na verdade, essa flor nem mesmo é encontrada na Palestina.

Mas que flor era o lírio dos vales? Esta é uma pergunta um tanto quanto complicada de responder. Isso porque o termo hebraico traduzido frequentemente como “lírio” em nossas traduções da Bíblia em português, pode se referir a uma variedade grande flores. Inclusive, muitas vezes as diferentes passagens bíblicas que trazem essa palavra referem-se a diferentes flores.

Por exemplo: no livro do profeta Oseias lemos sobre o lírio que florescia na água (Oseias 14:5). Muitos estudiosos defendem que provavelmente essa planta era a íris de cor amarela que crescia em águas rasas na Palestina. Os comentaristas bíblicos também estão convencidos que o lótus era outra planta que foi identificada em algumas passagens bíblicas como um tipo de lírio.

No livro de Cantares de Salomão há diversas referências a diferentes espécies de lírio. No capítulo 5 desse livro, um tipo de lírio é comparado aos lábios vermelhos da esposa amada (Cântico 5:13). Para alguns estudiosos, essa referência pode indicar o Lilium Chalcedonicum, um tipo de lírio raro na Palestina.

Mas no capítulo 2, que traz a referência ao lírio dos vales, o escritor bíblico tinha em mente outra espécie de lírio ou qualquer flor de aspecto semelhante ao lírio, e que provavelmente crescia de forma abundante nos vales férteis da Palestina. Algumas flores como a violeta, o jasmim, o jacinto e o lírio do oriente, são exemplos de plantas que já foram sugeridas como sendo o provável lírio dos vales citado na Bíblia.

Receber Estudos da Bíblia

Jesus é o lírio dos vales?

Como já foi dito, a expressão “lírio dos vales” aparece na Bíblia em apenas um versículo no livro de Cântico dos Cânticos de Salomão. O contexto desse versículo mostra um diálogo entre o marido e a esposa, já que o tema principal do livro trata sobre a dádiva do amor romântico dentro do matrimônio.

Nesse sentido, a esposa amada faz a seguinte declaração: Eu sou a rosa de Sarom; o lírio dos vales” (Cântico 2:1). A maioria dos estudiosos do Antigo Testamento concorda que essa foi uma declaração modesta. Em outras palavras, a esposa estava se comparado a flores silvestres comuns na Palestina.

Mas o esposo apaixonado responde dizendo: “Qual o lírio entre os epinhos, tal é a minha querida entre as donzelas” (Cantares 2:2). Com essa declaração o esposo estava afirmando que ao contrário de outras jovens, a sua amada se destacava como uma flor entre os espinhos. Isso quer dizer que para o marido, a beleza de sua esposa superava todas as outras moças ao seu redor.

Diante de tudo isso é muito fácil entender que de forma alguma esse texto bíblico relaciona a expressão “lírio dos vales” a Jesus Cristo. É verdade que existe uma longa tradição dentro do Cristianismo de relacionar, através de analogia, Cristo com o marido e a Igreja com a esposa que aparecem nesse livro.

Mesmo assim, não é correto afirmar que Cristo é o lírio dos vales à luz desse texto, já que “lírio dos vales” é uma autodesignação da esposa, não do marido. Portanto, fica claro que o Senhor Jesus Cristo recebe muitos títulos na Bíblia, mas definitivamente lírio dos vales não é um deles.

No entanto, a maioria dos cristãos, principalmente em canções, fala de Cristo como o lírio dos vales não com modéstia como a esposa amada do livro de Cantares, mas com o objetivo de destacar sua exuberância e beleza. É claro que isso não é errado, mas também não é possível dizer que esse tipo de associação é extraído da Escritura.

Que tal fazer Bacharel em Teologia sem mensalidades? Clique aqui! Pergunta Estudo Bíblico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar