O Que é a Menorah? O Que Significa o Candelabro na Bíblia?

Menorah é a palavra hebraica para “candelabro” ou “candeeiro” e seu significado deriva do verbo “flamejar”. Os candelabros eram muito utilizados nos tempos bíblicos. Era comum que as casas particulares tivessem candelabros para iluminar o ambiente (2 Reis 4:10). Mas na Bíblia geralmente o termo hebraico menorah significa o candelabro de ouro do Tabernáculo e depois do Templo (Êxodo 25:31-40; 2 Crônicas 4:7).

No Novo Testamento a palavra grega lychnia é usada para se referir a Menorah do Tabernáculo no Antigo Testamento (Hebreus 9:2). A figura do candelabro também aparece associada à Igreja no livro do Apocalipse (Apocalipse 1:20).

Como era a Menorah (candelabro)?

A Menorah foi fabricada conforme as instruções que Deus deu a Moisés no Monte Sinai (Êxodo 25:40). Deus ordenou que a Menorah fosse feita de ouro puro batido. No candelabro não podia ter qualquer emenda. O seu pedestal, a sua haste, os seus cálices, as suas maçanetas e os seus adornos florais formavam uma só peça (Êxodo 25:31).

Apesar de a descrição da Menorah ser bem detalhada no texto bíblico, é difícil determinar com exatidão como era sua aparência (Êxodo 25:31-40; 37:17-24). Parece que sua forma sugeria uma amendoeira que florescia. Alguns comentaristas acreditam que talvez isso estivesse relacionado ao provável símbolo da amendoeira como representação da nova vida. Isso porque a amendoeira era a primeira árvore que florescia no fim de janeiro na Palestina.

Seja como for, sabe-se que o candelabro consistia de um pedestal com uma haste central. Essa haste central era como o tronco de uma árvore. Seis outras hastes se projetavam ao lado da haste central, três de cada lado, como se fossem ramos ao lado do tronco central. Provavelmente as hastes laterais se elevavam até a altura da haste central.

Na ponta de cada uma das sete hastes havia uma base em forma de taça dentro da qual uma lâmpada era colocada, totalizando sete lâmpadas. Apesar de o tamanho exato da Menorah do Tabernáculo ser desconhecido, sabe-se que em sua fabricação foi utilizado um talento inteiro de ouro puro batido. Isso significa que o candelabro do Tabernáculo tinha cerca de trinta e quatro quilos.

Onde ficava a Menorah?

A Menorah ficava no Santo Lugar. O Tabernáculo em si era formado por dois compartimentos: o Santo Lugar e o Santo dos Santos. Além da Menorah, no Santo Lugar ficavam a mesa dos pães da proposição e o altar de incenso. A Menorah era colocada de fronte para a mesa dos pães da proposição, à esquerda de quem entrava na sala. Toda essa mobília tinha um significado específico na adoração do Antigo Testamento e seu cuidado estava entre as funções sacerdotais.

As sete lâmpadas da Menorah eram abastecidas pelos sacerdotes com azeite puro de oliveira (Êxodo 27:20). As lâmpadas do candelabro deviam ficar acessas continuamente (Êxodo 27:20; Levítico 24:1-4). Há certa discussão entre os estudiosos sobre o que seria manter as lâmpadas da Menorah continuamente acessas.

Alguns entendem que isso significava que as lâmpadas jamais ficavam apagadas. Já outros entendem que isso significava que as lâmpadas ficavam acessas diariamente, mas não o tempo todo.

À luz de Êxodo 30, parece que os sacerdotes preparavam e abasteciam as lâmpadas da Menorah a cada manhã, e as ascendia ao crepúsculo da tarde (Êxodo 30:7,8; cf. 1 Samuel 3:3). Para executar essa tarefa relacionada ao candelabro, os sacerdotes usavam espevitadeiras e apagadores. Esses utensílios também eram feitos do mesmo ouro da Menorah (Êxodo 25:38).

Posteriormente o Templo de Salomão foi construído em Jerusalém. Nele havia dez candelabros no Santo Lugar, cinco de um lado e cinco de outro (1 Reis 7:48,49; 2 Crônicas 4:7; Jeremias 52:19).

Receber Estudos da Bíblia

O significado da Menorah: qual a importância do Candelabro na Bíblia?

A função prática da Menorah no serviço religioso em Israel era basicamente fornecer luz aos sacerdotes que serviam no Lugar Santo. Mas seu significado era muito mais profundo.

Muitos estudiosos consideram que o Tabernáculo e o Templo, pelo menos em certo sentido, relembravam o Jardim do Éden onde o homem tinha comunhão com Deus. Então eles sugerem que a Menorah, cuja aparência era semelhante a uma amendoeira, de certa forma também era uma lembrança da árvore da vida que havia no centro do Jardim do Éden.

A Menorah era formada por sete hastes. O número sete na literatura judaica transmite o significado de perfeição e completude. Assim, eruditos judeus também consideram que as sete hastes da Menorah apontavam para a obra de Deus nos sete dias da criação. Dentro da cultura judaica a Menorah é tão importante que ainda hoje está diretamente relacionada à identidade do povo judeu, servindo como símbolo do Estado de Israel.

O profeta Zacarias viu em uma visão uma Menorah de ouro, mas suas características eram diferentes do candelabro do Tabernáculo e do Templo (Zacarias 4:2). A visão de Zacarias é de difícil interpretação, e parece conectar as sete lâmpadas do candelabro à onisciência de Deus (cf. Zacarias 4:10).

Com base no contexto da visão de Zacarias, alguns comentaristas também entendem que talvez a Menorah possa ter simbolizado a responsabilidade dos judeus no pós-exílio em ser luz para os gentios (cf. 42:6; 49:6).

O Novo Testamento nos mostra que não apenas a Menorah, mas também o próprio Tabernáculo e toda sua mobília, apontavam para Cristo. Assim, a Menorah não é mais necessária porque Jesus é a luz do mundo (João 8:12). Nele se cumpre a profecia de ser a verdadeira luz para as nações (Lucas 2:32; cf. João 1:9).

As lâmpadas da Menorah tinham um caráter terreno e transitório, e um dia se apagaram. Mas a luz de Deus para o seu povo, manifestada supremamente através de Jesus Cristo, jamais se apagará. Inclusive, essa luz também é refletida através da Igreja por causa de sua união com Cristo (Mateus 5:16). Isso explica por que no livro do Apocalipse a figura do candelabro aparece como símbolo do ministério da Igreja que propaga a luz do Evangelho (Apocalipse 1:12-20; 2:1,5; 11:4).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close