Quem Eram Nadabe e Abiú, Filhos de Arão?

Nadabe e Abiú foram dois dos filhos de Arão e irmãos de Eleazar e Itamar. Eles ficaram conhecidos na Bíblia principalmente por terem sido mortos após trazer fogo estranho perante o Senhor. A história de Nadabe e Abiú serve de alerta de que as coisas de Deus não podem ser feitas de qualquer maneira, e as prescrições divinas devem ser obedecidas.

Os filhos de Arão

Nadabe, Abiú, Eleazar e Itamar eram os filhos de Arão que, juntamente com o pai, também foram separados por Deus para exercerem o sacerdócio em Israel. Ocupando essa importante posição, os filhos de Arão serviriam como representantes de Deus diante do povo; bem como representantes do povo diante de Deus. Saiba mais sobre o que era um sacerdote.

Arão ocupou a liderança do sacerdócio, sendo o primeiro sumo sacerdote em Israel. Já seus filhos ficaram como sacerdotes regulares. O cargo de sumo sacerdote era vitalício. Isso significa que só poderia haver um único sumo sacerdote por vez. Um novo sumo sacerdote assumia apenas após a morte do anterior. O livro de Êxodo registra em detalhes a cerimônia de consagração de Arão e seus filhos no Sinai (Êxodo 28:1,4; cf. Levítico 8:2,13).

Receber Estudos da Bíblia

As mortes de Nadade e Abiú

Nadabe e Abiú morreram enquanto ofereciam culto a Deus. Porém, é necessário compreender um pouco mais sobre tudo o que envolveu o castigo do Senhor sobre eles. Antes de terem sido chamados para o ofício do sacerdócio, Nadabe e Abiú já tinham contemplado de perto o poderoso agir de Deus entre os Israelitas.

Nadabe e Abiú estiveram presentes, juntamente com Moisés, Arão e os mais notáveis anciãos de Israel, quando Deus se revelou no Monte Sinai (Êxodo 24:1-9). Depois, como já foi dito, eles foram diretamente designados por Deus ao ofício do sacerdócio, e estiveram particularmente envolvidos na consagração do Tabernáculo.

Tudo isso significa que Nadabe e Abiú foram testemunhas oculares da aliança que Deus firmou com os israelitas no Sinai. Assim, eles também tinham pleno conhecimento das ordenanças de Deus ao seu povo. Como sacerdotes, eles foram devidamente instruídos acerca de como deveriam viver em santidade ao Senhor e como proceder em tudo que envolvia o culto em Israel. Entenda quais eram as funções dos sacerdotes.

No entanto, Nadabe e Abiú falharam. Num certo dia eles não conduziram a adoração a Deus de forma correta no Tabernáculo. A Bíblia diz que Nadabe e Abiú tiveram a ousadia de oferecer algo que Deus não havia lhes ordenado. O texto bíblico não entra em detalhes acerca da atitude de Nadabe e Abiú, apenas informa que eles trouxeram “fogo estranho” perante o Senhor (falaremos melhor sobre isto no próximo texto).

Depois disso, imediatamente Nadabe e Abiú foram mortos. O escritor de Levítico diz que “saiu fogo de diante do Senhor e os consumiu; e morreram perante o Senhor” (Levítico 10:2).

O luto pelas mortes de Adabe e Abiú

Naquela ocasião Moisés chamou Misael e Elzafã, primos de Arão, para cuidarem de retirar os corpos de Nadabe e Abiú e levando-os para fora do arraial de Israel (Levítico 10:4,5). Então o povo de Israel lamentou profundamente o ocorrido.

Mas por causa do ofício sacerdotal, Arão e seus filhos, Eleazar e Itamar, foram proibidos de guardar o luto pela morte de Nadabe e Abiú. Por estarem totalmente consagrados a Deus, eles deveriam ficar completamente separados da morte (Levítico 10:6). Nadabe e Abiú eram os próximos na sucessão ao sumo sacerdócio. Por ocasião de suas mortes, Eleazar tornou-se sumo sacerdote após Arão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close