Quem Escreveu o Livro de Josué?

Não se sabe com certeza quem escreveu livro de Josué. Todas as tentativas de tentar identificar o autor do livro carecem de maiores evidências. A tradição do Talmude, por exemplo, identifica o próprio Josué como o escritor da maior parte do conteúdo do livro.

A questão é que o livro de Josué em nenhuma parte indica seu autor. Embora alguns estudiosos prefiram seguir a tradição talmúdica e enxergar Josué como o autor do livro, a maioria prefere tratar o autor como anônimo.

Quando o livro de Josué foi escrito?

A maior dificuldade em saber quem escreveu o livro de Josué se dá, principalmente, pela incerteza quanto à data em que o livro foi escrito. Alguns estudiosos sugerem que o livro foi escrito num período próximo aos dias do próprio Josué. Se isso estiver correto, então o livro foi escrito antes do século 12 a.C.

Outros estudiosos argumentam que o livro foi escrito no final do período dos juízes de Israel, ou mesmo no tempo da monarquia. Isso então localizaria a data do livro por volta de 1.000 a.C.

Por fim, há ainda aqueles que defendem que o livro foi escrito no tempo do exílio para encorajar os exilados na Babilônia, ou no tempo pós-exílico para a comunidade remanescente. Nesse caso então o livro teria sido escrito após 560 a.C.

Toda essa discussão não é tão simples porque a narrativa do livro em certas partes parece favorecer diferentes possibilidades de data. Por exemplo: no livro de Josué Sidom é citada como a principal cidade fenícia (Josué 11:8; 19:28). Mas depois de 1.200 a.C. Tiro se tornou a cidade mais proeminente. Então nesse caso é possível que o livro tenha sido escrito antes dessa data.

Por outro lado, a tribo de Judá recebe certo destaque no livro, o que pode significar que no tempo em que a obra foi escrita o trono davídico já havia sido estabelecido – o que colocaria a data de composição do livro em cerca de 1.000 a.C. Mas ao mesmo tempo, o livro fala de Jerusalém ainda habitada pelos jebuseus antes de ser conquistada pelo rei Davi, assim como fala de Gezer antes de ser controlada por Salomão – o que poderia reforçar a ideia de que a data de composição do livro é anterior ao tempo da monarquia.

Já sobre a data mais recente possível, o livro e Josué não pode ter sido escrito após 538 a.C. Isso porque o livro de 1 Reis, que foi escrito entre 561 a.C. e 538 a.C., menciona a maldição proferida por Josué (Josué 6:26; cf. 1 Reis 16:34).

Receber Estudos da Bíblia

As possibilidades sobre a autoria do livro de Josué

Considerando as discussões sobre a data de composição do livro de Josué, os intérpretes apresentam algumas sugestões de autoria do livro. Antes, porém, é preciso dizer que a possibilidade de o livro ter sido escrito por um autor desconhecido depois do período do cativeiro babilônico é descartada pela maioria dos estudiosos por causa da citação do livro de 1 Reis.

Pode ser que grande parte do livro tenha sido mesmo escrita por Josué – visto que o próprio livro indica que Josué escreveu ordenanças e leis de Deus para o povo (Josué 24:25,26). Então até esse ponto a tradição talmúdica poderia estar correta.

Contudo, obviamente Josué não pode ter sido o redator final do livro, já que o livro registra sua morte e outros eventos que se deram após esse período (Josué 24:29-33). Uma possibilidade – também defendida pela tradição talmúdica – é que o sacerdote Eleazar escreveu a parte final do livro. Mas como a morte do próprio Eleazar também é mencionada, tem sido sugerido que seu filho, Finéias, foi quem finalmente terminou o livro.

Outra possibilidade é que Finéias tenha sido o autor do livro de Josué do começo ao fim. Ele viveu os eventos narrados no livro e pode satisfazer as evidencias que parecem indicar que o autor foi testemunha ocular dos fatos registrados (cf. Josué 5:1-6; 6:25),

Pode ser também que o autor do livro de Josué tenha sido um levita ou sacerdote desconhecido que vivia em Judá associado ao próprio Finéias. Isso explicaria a atenção dada no livro ao território de Judá.

Seja como for, provavelmente o escrito original do livro de Josué passou por atualizações gramaticais e de nomes de lugares pelo menos uma geração depois de Josué. Isso significa que a forma final do livro surgiu do trabalho de um ou mais editores que usaram uma versão mais antiga da obra que já havia sido escrita desde o tempo de Josué. O importante é que tudo isso ocorreu de acordo com a inspiração, proteção e vontade do Senhor.

Que tal fazer Bacharel em Teologia sem mensalidades? Clique aqui! Pergunta Estudo Bíblico
Fechar