Quem Foi Lia? A História de Lia na Bíblia

Lia foi a primeira esposa de Jacó. Ela era filha de Labão e irmã mais velha de Raquel, a segunda esposa de Jacó. A história de Lia está registrada no livro de Gênesis (Gênesis 29-49). Dependendo da tradução bíblica, Lia também é chamada de Lea ou Léia. Seu nome vem do hebraico le’ah, que provavelmente significa “vaca selvagem”.

A Bíblia não diz absolutamente nada sobre a mãe de Lia ou qualquer outra informação anterior a chegada de Jacó em Harã. Lia apenas é descrita na Bíblia como uma mulher de olhos tenros. Já sua irmã, Raquel, é descrita como tendo um belo semblante, uma mulher formosa à vista (Gênesis 29:17).

O casamento de Lia com Jacó

A história de Lia ficou conhecida especialmente por conta do episódio envolvendo seu casamento. Quando Jacó precisou fugir da cólera de Esaú, ele foi para Harã, onde ficou hospedado na casa de seu tio, Labão.

Assim que chegou a Harã, Jacó conheceu sua prima Raquel, por quem logo se apaixonou. Pretendendo se casar com Raquel, ele firmou um acordo com Labão para viabilizar o casamento. Ficou acordado que Jacó trabalharia para Labão durante um período de sete anos. No fim desse período ele receberia o direito de se casar com Raquel.

Mas depois dos sete anos de trabalho, Labão enganou Jacó. Ele armou um plano no qual Jacó acabou se casando pensando piamente que sua esposa seria Raquel. Apenas na manhã seguinte ao dia do casamento Jacó percebeu que havia tomado Lia por mulher.

Quando foi tirar satisfação com seu tio e sogro, Jacó escutou de Labão que naquelas terras a filha mais nova jamais deveria se casar antes da filha mais velha. Então um novo acordo foi feito de sete anos de trabalho para que Jacó pudesse se casar com Raquel.

Receber Estudos da Bíblia

A vida familiar de Lia

A vida familiar de Jacó, Lia e Raquel foi um tanto quanto conturbada por causa da rivalidade entre as duas irmãs que disputavam o amor e a atenção do mesmo marido. Mas a Bíblia deixa claro que Lia jamais foi a esposa preferida. Na verdade Jacó a desprezava. Então o texto bíblico diz que Deus abriu a madre de Lia, enquanto Raquel permaneceu estéril durante muito tempo. O desespero de Lia pela aceitação de seu marido fica evidente no nascimento de cada um de seus filhos (Gênesis 29-30).

Lia foi mãe de seis filhos e uma filha. São eles: Rúben, Simeão, Levi, Judá, Issacar, Zebulom e Diná. Conforme um antigo costume da época, através de sua serva Zilpa, nasceram Gate e Aser.

Quando Lia morreu, ela foi sepultada no tumulo da família de Jacó em Macpela, Hebrom. Isto aconteceu antes da imigração de Jacó para o Egito durante o período de escassez (Gênesis 49:31). Depois Lia é citada no livro de Rute ao lado de Raquel como uma das edificadoras da casa de Israel (Rute 4:11).

Tag

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close