Quem é o Rei Que Foi Comido de Bicho Por Não Dar Glória a Deus?

O rei que foi comido de bicho e morreu, foi Herodes Agripa I. A Bíblia diz que ele foi ferido fatalmente por um anjo do Senhor. Ele foi comido por vermes e morreu porque não deu glória a Deus (Atos 12:23).

Herodes Agripa I era o neto de Herodes o Grande, aquele que ordenou o massacre dos meninos com menos de dois anos em Belém em conexão com o nascimento de Jesus. É importante saber que esse Herodes que foi comido de bicho e morreu, também não é o mesmo que mandou matar João Batista e fez pouco caso de Jesus em seu julgamento (Lucas 23:7-12). Nessas ocasiões o rei em questão foi o Herodes Antipas, seu meio-tio.

A perversidade do rei que foi comido de bicho

Esse rei que foi comido de bicho era um homem perverso. Ele sempre esteve envolvido em intrigas familiares e num jogo obscuro pelo poder. Mas diferentemente de seus predecessores herodianos, ele contava com o apoio do povo.

O que acontece que é que a dinastia herodiana não era aceita pelos judeus, por que seus representantes tinham sangue estrangeiro. Para os judeus, a dinastia de Herodes era usurpadora, e ocupava o lugar da dinastia dos hasmoneus.

Essa dinastia teve início com a revolta liderada por Simão Macabeu. Os hasmoneus governaram aquela região durante muitos anos, até que foram substituídos pelos herodianos. Por isso Herodes o Grande e Herodes Antipas foram detestados pelo povo.

Mas Herodes Agripa I, o rei que foi comido de bicho, também tinha sangue hasmoneu. Sua avó havia sido uma princesa da dinastia hasmoneana que se casou com Herodes o Grande. Portanto, entre os Herodes anteriores, Agripa I era o mais aceito pelo povo.

Contando com o apoio dos principais judeus e querendo mostrar comprometimento com a religião judaica, Agripa I empreendeu uma dura perseguição contra a Igreja Primitiva. Ele agiu de forma sanguinária, e estava disposto a acabar com o Cristianismo em seu território.

Foi ele quem ordenou que o apóstolo Tiago, filho de Zebedeu, fosse morto. Ele também enviou o apóstolo Pedro para a prisão, que só escapou do cárcere porque contou com intervenção sobrenatural do anjo do Senhor. O escritor de Atos relata que esse rei “estendeu as mãos sobre alguns da igreja, para maltratá-los” (Atos 12:1).

Como o rei foi comigo de bicho?

A Bíblia Sagrada diz que num dia específico, aquele rei se vestiu com trajes reais e fez um discurso diante do povo. Então o próprio povo começou a gritar que ele falava como um deus, e não como um homem. Toda essa bajulação inflou ainda mais seu orgulho, e na mesma hora o anjo do Senhor o feriu (Atos 12:21-23).

O historiador Flávio Josefo fornece detalhes interessantes sobre esse episódio. Ele relata que Herodes Agripa tinha ido a Cesaréia. Seu objetivo era participar de um festival em homenagem ao imperador romano Cláudio. Esse festival consistia numa série de jogos que eram realizados a cada cinco anos na data do aniversário do imperador.

No segundo dia de festival, Agripa entrou na arena bem no início da manhã. Seu traje real era feito de fios de prata. Quando os raios de sol repousaram sobre sua roupa, ele ficou todo iluminado refletindo a luz do sol. Foi nesse momento que o povo começou a se dirigir a ele como a um deus.

O rei orgulhoso não repreendeu seus bajuladores e nem rejeitou aqueles louvores ímpios. Então o anjo do Senhor o feriu. Em muitas passagens bíblicas os anjos aparecem como mensageiros de Deus comissionados a executar seu juízo (cf. 2 Reis 19:35).

Josefo escreve que ele foi acometido de uma dor abdominal insuportável. Essa dor persistiu por cinco dias enquanto o rei definhava até finalmente morrer. A natureza da doença de Herodes já foi muito debatida ao longo do tempo. Alguns sugerem a apendicite, outros envenenamento, e outros afirmam um tipo de síndrome rara que causa gangrena especialmente na área abdominal, o que poderia explicar a presença dos vermes.

Seja como for, pode-se concluir que a causa primária da doença fatal de Herodes foi o castigo divino. Ele foi comido de bicho, tendo um fim terrivelmente doloroso e desprezível. Além disso, o foco principal do texto bíblico não é explicar a doença de Herodes, mas apontar para a soberania de Deus. O rei perseguidor da Igreja e que foi aclamado como um deus, estava morto, enquanto o Evangelho continuava avançando (Atos 12:24).

Receber Estudos da Bíblia

Por que o rei foi comido de bicho?

O texto é bastante claro ao dizer que o rei foi comido de bicho porque não deu glória a Deus. Porém muita gente interpreta essa declaração de forma equivocada. Muitos pensam que o rei foi comido de bicho porque não exclamou: glória a Deus!

Com base nisso, há ainda aqueles pregadores que ameaçam os ouvintes em suas pregações dizendo que quem não glorificar, poderá ser comido de bicho. Mas essa interpretação é completamente errada. Quando a Bíblia diz que Herodes não deu glória a Deus e por isso foi comido pelos vermes e morreu, ela dizendo que o rei, em seu orgulho, aceitou para si próprio a glória que pertence a Deus. Como vimos, tudo aconteceu quando ele estava sendo louvado e exaltado por seus bajuladores.

Deus não permite que ninguém ouse tomar o seu lugar (cf. Êxodo 20:5; Deuteronômio 5:9). Todos aqueles que incorreram nesse pecado uma hora precisaram prestar contas. Aqui também podemos citar o caso do rei Nabucodonosor da Babilônia. Ele acabou ficando louco, embora Deus tenha tido misericórdia de sua vida e restaurado sua sanidade (Daniel 4).

A tradição judaica também afirma que o rei Antíoco Epifanes, um perseguidor dos judeus, teve um fim semelhante. Seu corpo estava tomado de vermes enquanto ele ainda vivia agonizante. Esse caso também foi registrado no apócrifo 2 Macabeus 9:9.

Quem não der glória a Deus será comido de bicho?

Vimos que o pecado do rei que foi comido de bicho não foi a falta de dizer “aleluia!” ou “glória a Deus!” num culto. Tem muita gente que “glorifica” em alto e bom som, mas cai no mesmo pecado de Herodes. Tem muito crente confesso que se transveste de “adorador”, mas na verdade é um soberbo, arrogante e orgulho. São tão pré-potentes que acham que Deus não ousaria deixá-los de fora do paraíso. Eles tomam para si a glória que não lhes pertence, e caem na mesma condenação do diabo (cf. 1 Timóteo 3:6).

Mas todos aqueles que usurpam a honra de Deus receberão o pagamento apropriado por seus atos. O rei que foi um perseguidor da Igreja, assassino de apóstolo, e aceitou para si o louvor que só pertence a Deus, morreu de forma vergonhosa diante de seu próprio povo.

Outros também agem como ele, mas parecem passar por essa vida sem nenhuma cobrança. Eles não morrem comidos de bichos como Herodes morreu. No entanto, haverá o dia em que eles também receberão o pagamento justo por seu pecado. Essa retribuição ocorrerá num lugar onde o seu verme não morre, e o fogo não se apaga (Marcos 9:48).

Tag

1 comentário em “Quem é o Rei Que Foi Comido de Bicho Por Não Dar Glória a Deus?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close